Sem estrelas, a grama estava molhada.

Ele deitou. Cansado, deitou.

Fechou os olhos, respirou fundo e mentalizou um lindo e sonoro “foda-se”. Abriu os olhos e encarou o céu sem estrelas, enquanto via as nuvens carregadas, reparava que a grama estava encharcada o suficiente para molhar seu casaco e sua camiseta. E lá veio outra fechada de olhos, outra respiração funda e outra mentalização do tão freqüente “foda-se”.

E daí que ele estava a alguns metros da casa e todo mundo poderia vê-lo da varanda? Não era como se ele se importasse, não era como se eles se importassem também.

Ele focou o céu, procurou uma nuvem e deixou seus pensamentos irem para onde quisessem, o foco se foi. Achou melhor manter os olhos fechados e prestar atenção naquilo que acontecia em sua cabeça.

Ele conhecia sua confusão, ela estava ali há algum tempo já. Tempo não o suficiente para encontrar alguma solução… Ele deixava o tempo passar, mas o tempo não estava resolvendo as coisas por si só, ele teria que agir e não sabia pra qual lado correr.

O lado que mais o interessava não gritava por seu nome, ele queria ouvir um chamado, o sinal de que essa escolha era aposta garantida, aposta ganha, sucesso. Ele queria tanto escolher aquele lado do jeito que estava, de olhos fechados e sem medo. Mas o sinal não vinha. Ele queria desistir, mas esperou tanto pelo tal sinal que não sabia se simplesmente valeria a pena virar as costas e escolher o outro lado. “Porque, afinal, e se o sinal estivesse por vir, ali: quase vindo e só não veio porque me precipitei?”.

Ele desistiu. Desistiu de pensar naquilo naquela hora. Suas costas estavam molhadas o suficiente para começar a sentir frio. E no fundo (e praticamente na superfície) ele sabia que não desistiria de esperar por ouvir seu nome, vindo de onde ele queria que viesse. Abriu os olhos, suspirou, levantou e sorriu. Sem “foda-se”s, afinal… ele se importava. E muito.

Anúncios

3 comentários sobre “Sem estrelas, a grama estava molhada.

  1. pablo disse:

    poxa ninguem deu bola para o cara deitado na grama molhada… risco de pegar uma gripe… rs
    acho que as vezes existem formas melhores de chamar atencao do que ficar deitado esperando…
    beijos fofa!!!!

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s