2x Paris

O CCBB de São Paulo está com uma exibição bem legal dos impressionistas. As obras vieram do Museu D’Orsay lá de Paris. Eu já tive a oportunidade de visitá-lo duas vezes e ainda sinto que falta muita coisa que eu tenho que ver lá e ainda não vi. As duas vezes que estive lá foram nas duas vezes que estive na Cidade Luz.

Arco do Triunfo de dia e no calor.

Arco do Triunfo de noite e no frio.

A primeira vez que estive na cidade foi em janeiro de 2009 e eu devo admitir que eu não estava assim tão empolgada, quer dizer, eu já falei aqui, eu estava extasiada por estar na Europa, mas Paris, por incrível que pareça, nunca foi um dos meus principais destinos de desejo. Eu cheguei na cidade numa manhã gelada e passei os próximos dias tentando explorar todos os cantos da cidade. O lugar onde fiquei era lindo. Não vou dizer que era coladinho com o metro, próximo a atrações e central, porque ali só se escondendo de verdade pra não ser. Eu adorei a vibração da cidade, as boulevards, as pessoas das ruas, tudo ali me foi sedutor.

Verdade seja dita, depois de nove cidades em 7 países diferentes, eu voltei pro Brasil e principalmente pra São Paulo desejando que essa cidade linda fosse mais parecida com aquela pelo menos na malha metroviária.

A segunda vez em Paris foi há pouco mais de 1 ano, nas minhas férias do trabalho ano passado. Era verão e as altas temperaturas parisienses eram uma promessa empolgante. Imaginem minha surpresa quando ao chegar lá o tempo tinha virado e na próxima semana que passei por lá o tempo estava uma bunda murcha. Juro! E ainda por cima eu estava sem casacos bons, levei apenas 3 fininhos de meia estação que serviriam mais para barrar o vento do que aquecer realmente. Passei mais frio quando subi na Torre Eiffel numa tarde de junho (estava chovendo, inclusive) do que quando subi numa tarde de janeiro.

Paris no verão com um sol panha foi a minha realidade. Além disso a cidade estava cheia. Cheia mesmo. O metrô estava consideravelmente mais lotado, as ruas muito mais movimentadas e os habitantes da cidade estavam bem mais mal humorados. Sempre achei que as pessoas exageravam quando diziam que os franceses são rudes e mal educados, mas agora eu acredito, porque lidar com eles no ano passado não foi fácil. Assim como acredito que não é nada fácil para eles ter que lidar todo dia com um monte de babaca os atrapalhando enquanto eles querem apenas sobreviver ao dia a dia.

Céu sobre a Rue de Rivoli.

Céu feio sobre a Rue de Rivoli numa tarde de verão.

Quando penso em Paris tenho a mesma sensação que tenho em relação ao Museu D’Orsay. Ainda falta muito dali que eu preciso ver, por mais vezes que eu já tenha estado lá e visto muito. E uma das principais coisas que falta para eu ver é a cidade iluminada por um lindo e brilhante sol.

Anúncios

Um comentário sobre “2x Paris

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s