Da arte de procrastinar.

Você adia um post, e daí adia outra vez… e aí vão aparecendo outras histórias que você também quer contar, e você dá uma adiadinha, só pra poder contar aquela outra história antes. E termina que você não contou nem uma, nem outra, nem nenhuma.

E então você fica sem jeito de contar a história tão atrasada, já fora de contexto e a elimina da sua listinha mental de “coisas que quero contar” e daí as histórias vão se atropelando e vão todas sendo eliminadas e então você não contou nenhuma história e ficou sem histórias para contar.

E é nesse estado de espírito e sem histórias que me encontro agora, apesar de estar cheia delas.

Um beijo,

L

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s