"Dani, fale algo para eu pensar sobre"…

“Posta sobre a sua prima”.
Assim, não vou postar sobre ela em si, mas sim na mítica que ela representa.
Nada de Dani, o mito. Muito pelo contrário, aqui não há mais mistérios, um olhar e temos a alma uma da outra.
“Sabe que na verdade eu separo as palavras do meu teclado entre direito e esquerdo? tipo: DIREITO o que tem na direita? DRET. E na esquerda? IIO” (risos mongois).
Senso de humor parecido, idéias parecidas e o de sempre.
A gente percebeu que queremos coisas parecidas num dos nossos setores da nossa vida… Ela nunca se sentiu correspondida à altura, eu nunca fui mesmo hahahaha.
Aos vinte anos percebemos que coisas minimas podem afetar o caminhar das coisas e coisas pontuais podem resolver todo o resto. Uma conversa sincera, um silencio amigo, um olhar, um momento de gargalhadas, piadas sem graça e um tempo separadas. Essa é a vida.
Ela sabe o que ela quer, eu dou broncas nela. Ela arrisca, eu tenho os dois pés atrás…
A gente quer as mesmas coisas? Eu diria que sim, cada uma à sua maneira, cada uma com o significado que cada coisa representa para si.
Queria tentar ser um pouco como ela, (porém) sempre lembrando do que importa de verdade… vocês sabem o que é importante de verdade pra mim, né?

(A dani merece um texto melhor, mas não sou capaz).

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s